Madereira Portal
Auto Peças

5ª Cia prende em Marechal Deodoro acusada de participar da execução de Cabo PM

mulher-homicidio-pm

Foto: ASCOM / 5ª CIA

Uma denúncia anônima recebida na manhã deste domingo (09), levou as guarnições da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar do Estado de Alagoas, sediada na cidade de Marechal Deodoro, a conseguir prender uma mulher identificada como Maria Flaviana dos Santos, 21 anos.

Ela é acusada de participar e inclusive ordenar a execução do Cabo PM José Wellington da Silva, 39 anos, lotado no Batalhão de Polícia Ambiental, no último dia 05 de junho, durante um assalto a uma van que fazia o transporte complementar entre os município de Maceió e Arapiraca. (clique aqui e relembre)

O crime aconteceu nas proximidades da Fazenda Andorinha, no município de Barra de São Miguel. Um dos acusados foi encontrado morto no dia seguinte, nas imediações de onde aconteceu o assalto.

Tudo leva a crer que o bando discutiu na hora de dividir o produto do roubo, incluindo a pistola do militar.

Maria Flaviana dos Santos foi presa no Loteamento São José, no bairro da Poeira, após ser denunciada anonimamente.

Ela inclusive confessou o crime e contou para a polícia os detalhes de como se deu o planejamento de toda essa ação delituosa e quem ordenou o roubo.

O terceiro acusado ainda está foragido e a Polícia Militar do Estado de Alagoas continua a caçada em toda região para prender o mesmo. Inclusive com a utilização de helicópteros.

“Flavinha” como é mais conhecida foi encaminhada para a sede da Polícia Civil em Jacarecica, onde deve permanecer até a manhã desta segunda-feira.

As informações prestadas por ela será de grande importância para as investigações, uma vez que a acusada revelou também a participação do grupo na morte de um outro militar durante um outro assalto a um ônibus intermunicipal.

Atualizada as 07:20 horas de 10/06/2013.

MATADOR

Ednelo foi encontrado morto no dia seguinte ao assalto. (foto: Sandro Quintela)

5 Comentários

  1. internalta disse:

    é muito bom quando acontece uma prisão dessa era bom que a policia agisse assim em todos os caso não só quando mata um colega de farda. mais parabéns pelo bom trabalho.que a justicia seja feita.

  2. Marcus disse:

    Logo, logo, chega um advogado de porta de CADEIA e pede para soltar a “inocente”. Se aparecer deveria ser preso ela e o advogado. Chega de acobertar A IMPUNIDADE.

  3. francis disse:

    Parabéns mais uma esta indo pra cadeia….

  4. Anonimo disse:

    Parabens a policia pelo belissimo trabalho,em prender esses marginais…lugar d bandindo é na cadeia.

  5. Crerivaldo disse:

    Se a Policia e a Justiça não acabar com
    esses individuo sem valor nem um na socieda,
    Eles vam acabar com vcs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias