Madereira Portal
Auto Peças

A orla sem eles é SEM FUTURO; Everaldo dos Teclados e Bôla

Bôla e Everaldo dos Teclados na orla lagunar. Foto: André Marechal

Para a população deodorense e os visitantes que estão acostumados a frequentarem a orla lagunar do município de Marechal Deodoro a partir das quintas-feiras, e não ouvirem duas vozes inconfundíveis no Churrasquinho do Dema, Everaldo dos Teclados e o pagodeiro Bôla, é como ir a Brasília e não ver a presidenta, de tanto que a galera está acostumada com os dois rapazes talentosos e aqui destacados no nosso site.

Bôla, André Marechal e Everaldo dos Teclados.

O primeiro deles e que já está fazendo falta há duas semanas é o nosso amigo e irmão Everaldo dos Teclados. Músico profissional e conhecidíssimo da rapaziada que frequenta a orla lagunar.

De acordo com as informações obtidas, Everaldo dos Teclados está “de molho” porque, acreditem, simplesmente durante a sua apresentação musical saudou um dos candidatos a prefeito do município de Marechal Deodoro que se fazia presente na orla lagunar, coisa que entendemos ser difícil de compreender.

Queremos acreditar que isso seja só boato porque pelo que percebemos na noite desta última quinta, 13 de setembro de 2012, o músico faz uma tremenda falta na noitada deodorense.

Fotos: André Marechal

 

3 Comentários

  1. luiz paulo silva disse:

    eu nao vou pra orla pra ver everaldo no eu sei q ele e bom mais digo uma coisa se o bola sair do pagode a orla vira uma bagunça e nao tem graça pq esse menino humilde e simples conquista cada um de nois pagodeiro… valeu bola siga em frente

  2. é 43, é 43 é disse:

    Isso é um absurdo por varias vezes o bola comentou q nao poderia chamar o do jurior 43, esamos vivendo na ditadura de mateus… mas maior q deus ninguem, bola vamos la na urna e votar 43 porque o junior é simples e humilde como vc é… mas eu te digo q o dema nao tem culpa disso a culpa é dos soldados de mateus mais um dia o everaldo vai voltar seja p o dema ou outro bar… e vc bola se faltar lugar para cantar a gente faz um samba de mesa. cavaco e pandeiro nao falta…

  3. Flavio José disse:

    Me desculpa pela reportagem sobre o Everaldo dos teclados, frequento a Orla Lagunar e ultimamente ele estava péssimo, cantando as músicas pela metade, e muitas vezes bêbado, e ainda colocava uma “cantora” com uma voz de doer os timpanos. Ontem o cantor que estava no Bar do Dema era muito bom, caso o EVERALDO volte, procure melhorar um pouco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias