Madereira Portal
Auto Peças

Falha em lombadas eletrônicas expõe moradores da Barra Nova ao risco

Foto: Sandro Quintela

Foto: Sandro Quintela

Moradores da Barra Nova, em Marechal Deodoro, denunciam que diversos motoristas que trafegam pela AL-101 Sul estão aproveitando defeitos em lombadas eletrônicas para desrespeitar o limite máximo de velocidade de 40 km/h, colocando em risco os pedestres que passam pelo local.

Segundo os moradores, as lombada não registram a velocidade dos carros que passam pelo lado esquerdo. Sabendo disso, os motoristas abusam e não respeitam a faixa de pedestre do local. “Só funciona a faixa da direita, tanto no sentido Marechal/Maceió, quanto Maceió/Marechal. As da esquerda não funcionam. As carretas, principalmente, abusam da velocidade”, afirma o aposentado Marcos Aurélio Loureiro Correia.

Em outro ponto, na entrada da Ilha de Santa Rita, também em Marechal, o problema é o mesmo. Dono de uma borracharia que fica na entrada do Sítio do Jacaré, Gilberto José Barreto conta que os moradores sofrem para atravessar a rodovia. Em cinco meses, ele já viu dois atropelamentos. “Os motoristas passam aí em alta velocidade. De vez em quando acontecem acidentes envolvendo os companheiros que moram aqui na região”, relata o borracheiro.

O comerciante Cícero Lourenço é uma das vítimas da imprudência. Atropelado quando tentava atravessar a faixa de pedestres, ele levou 16 pontos na perna e fraturou algumas costelas. “O carro passou com tudo e me jogou há uns cinco metros de onde me pegou. Não respeitou a faixa, como quase todos. Precisamos de uma passarela. Aqui, principalmente de manhã, tem muito estudante que se reúne para esperar o ônibus para o colégio”, destaca o comerciante.

Um levantamento realizado pelo Departamento de Estradas de Rodagem de Alagoas (DER/AL) aponta que em 2013 foram computadas 16.667 multas por excesso de velocidade nas lombadas eletrônicas apenas na AL-101 Sul.

“Iremos instalar de três a cinco passarelas provavelmente ainda em 2014. Com esse novo contrato, a gente deve ampliar o número de faixas e resolver a questão dos equipamentos danificados”, expôs o assistente da superintendência de Trânsito do DER/AL, Alexandre Acioli.

Fonte: Gazeta Web

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias