Madereira Portal
Auto Peças

Deodorense inventa “covo” feito com garrafa pet

José Brandão e os covos feitos com material reciclável. (André Marechal)

Um projeto excelente existe na cidade de Marechal Deodoro e a sociedade local e órgãos competentes, dentre outros, não tem conhecimento do mesmo e da sua importância para os pescadores e para o meio ambiente.

Um deodorense que reside na Rua dos Cajueiros inventou um “covo”, armadilha feita para pescar camarões, feito com produtos recicláveis, principalmente garrafa pet.

Achamos muito interessante o projeto que utiliza ainda canos de pvc, borracha e outros tipos de plásticos. Tudo feito com produtos que seriam destinados ao lixo, poluindo o meio ambiente e gerando mais sujeira na cidade.

De acordo com o senhor José Brandão, são necessários de 7 a 9 garrafas pet para confeccionar um covo. Ainda de acordo com ele a vida útil da armadilha feita com material reciclável é de aproximadamente trinta anos, enquanto o covo tradicional feito com palhas de uma palmeira chamada Ouricuri só dura oito meses.

O grande problema, segundo José Brandão, é a falta de apoio do poder público ou de Ong´s para que ele possa tocar o projeto. O trabalho é todo feito de forma artesanal e seria necessário investir em equipamentos para levar essa ideia adiante e fabricá-los em larga escala.

Os interessados devem ligar para o número 9363-6044.

 

1 Comentário

  1. Paulo Testoni disse:

    Hola.

    Gostaria de saber as intruções para montar esse covo.
    Agradeço a informação.
    Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias