Madereira Portal
Auto Peças

Cinco homens são presos por tentar executar militar reformado no Tabuleiro

Quadrilha foi conduzida à Central de Polícia

Cinco homens foram presos na tarde desta terça-feira (2) após tentar matar um militar reformado a tiros próximo à Bomba do Gonzaga, na parte alta de Maceió. A tentativa foi frustrada por policiais do 4º Batalhão da Polícia Militar, que detiveram os suspeitos. Entre eles, um é fugitivo do sistema prisional: Edjanilson Correia dos Santos, conhecido como Ninho.

O militar, que tem a identidade preservada pela polícia, caminhava a pé por trás do bar QG, no Tabuleiro do Martins, quando foi surpreendido por um grupo que efetuou disparos em sua direção. Após conseguir escapar dos tiros, a vítima pulou uma cerca e conseguiu ligar para a polícia.

Policiais do 4º BPM foram acionados e saíram em perseguição aos homens. O grupo foi localizado após abandonar um veículo Fiat Uno, de cor preta, próximo à Faculdade Raimundo Marinho. Eles foram detidos ao atravessar a Avenida Durval de Góes Monteiro.

À reportagem do Tudo Na Hora, o militar disse não ter inimizades, tampouco conhecer os homens. A vítima atribui o crime à tentativa de roubo, já que, segundo ele, usava um cordão de prata grosso, que pode ter chamado a atenção do bando. A polícia também acredita ter sido esta a motivação da tentativa de homicídio.

Além de “Ninho”, foram presos Sanderson Domingos da Silva, 18 anos; Jedson Félix da Silva, 20 anos; Jonas Félix de Araújo Neto, 20 anos; e Jadson Berto Santos da Silva, 24 anos, que serão autuados pelo delegado Leonardo Assunção, em plantão na Central de Polícia.
Além do Fiat Uno, a polícia apreendeu um revólver com duas munições deflagradas.

Fonte: TNH

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias