Madereira Portal
Auto Peças
Cia das Bebidas
11-06-2018 às 08:06

Ex-aluno da vítima, suspeito diz que matou professor porque foi reconhecido

Professor foi achado morto em rodovia (Crédito: Arquivo Pessoal)

Professor foi achado morto em rodovia (Crédito: Arquivo Pessoal)

O principal suspeito de ter assassinado a tiros o professor José Edmilson da Silva, de 41 anos, em Porto Calvo, no Norte de Alagoas, confessou à polícia durante depoimento na tarde desse domingo (10) que matou a vítima por ter sido reconhecido. Thiago Santos da Silva, de 23 anos, foi aluno de Edmilson.

De acordo com o delegado Belmiro Cavalcante de Albuquerque, Edmilson usava uma moto vermelha e estava a caminho de Jacuípe, onde daria aula, quando foi abordado por Thiago e outro homem, na sexta-feira (8). “Eles queriam a moto do professor, pois tinham como meta roubar 15 veículos para pagar um advogado que viesse a defender um parente de Thiago, que está preso em Pernambuco”, contou o delegado durante entrevista ao TNH1.

Amigos e familiares realizaram buscas pelo professor até que o corpo de José Edmilson foi encontrado na manhã de ontem (10), em uma vala às margens da rodovia AL-105, estrada de acesso a Jacuípe.

Agora, a polícia faz buscas para tentar capturar o segundo envolvido no crime, segundo confirmou ao TNH1 o comandante de 6º Batalhão, tenente-coronel Pedro Henrique. “Depois que prendemos o Thiago surgiram outras vítimas afirmando que tiveram suas motos roubadas pela dupla”, explicou.

 

FONTE;TNH1

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias