Madereira Portal
Auto Peças

Jovem é assassinado próximo a “caixa d’água” no centro de Marechal Deodoro

Mais um assassinato foi cometido na cidade de Marechal Deodoro, elevando para 36 o número de mortes de forma violenta no município alagoano localizado na Região Metropolitana de Maceió – RMM em 2012.

Desta vez a vítima foi o jovem identificado por Alessandro Ventura da Silva, 25 anos, mais conhecido como “Leleco”, morador do Beco das Virgens no centro da antiga capital alagoana.

O jovem foi assassinado na noite deste sábado (25) , atingido por vários disparos de arma de fogo quando o mesmo seguia pela rua que dá acesso ao reservatório do SAAE, também conhecido como “caixa d’água”, na subida da ladeira do Barroso.

Policiais militares da 5ª Cia estiveram no local do crime e peritos do IC e funcionários do IML providenciaram a remoção do corpo para Maceió.

As investigações de mais este homicídio fica agora por conta do delegado do 17º Distrito Policial, Alcides Andrade.

 

Fotos: Emergência190

 

3 Comentários

  1. Cícero Silva disse:

    Concordo com o Leonardo. Diante dos acontecimentos a Polícia tem por OBRIGAÇÃO fazer incursão em determinados locais, fazer revista em suspeitos, etc. Com esses procedimentos pode ser que diminua a onda de criminalidade que assola Marechal Deodoro. E tem mais: a apuração desses crimes é de obrigatoriedade do Estado, Ele não pode ficar alheio só porque o mortos são de classe pobre. Há poucos dias mataram um trabalhador que nada tinha a ver com tóxico ou coisa parecida, simplesmente pelo prazer de matar. Deve ter sido ato praticado por drogados. A Polícia precisa urgentemente combater o uso de entorpecente, sei que é difícil, mas é preciso fazer alguma coisa. Esses assassinatos só denigrem a imagem deste tão lindo e querido município, Berço histórico e honrado do primeiro Presidente do Brasil.

  2. Anônimo disse:

    Esse rótulo que Marechal Deodoro vem ganhando realmente não é bom e não combina com a pacata cidade. Vale lembrar, que os homicídeos que vem acontecendo é literalmente acerto de contas de usuários e/ou traficantes de drogas. Sou totalmente contra a atentar contra a vida de quem quer que seja, mas se são bandidos… As políticas de combate de drogas precisam ser mais enérgicas, assoladora e eficaz… O mais angustiante ainda, é que nós indefesos, que não tem envolvimento algum, é surpreendido pelo pânico, que esse hoje em dia já está matando aos poucos. Marechal Deodoro precisa ser limpa de drogas, como as demais cidades do Brasil. Esse mal tomou conta do Brasil numa proporção absurda!!!

  3. leonaldo disse:

    na verdade não só é marechal q está violento, mas q é preciso uma ação maior da polícia. por ex. parar carros suspeito ou estranho na cidade revistar grupinhos em vielas, esquinas.mas infelizmente não vpmos a polícia fazer estes tipos de abordagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias