Madereira Portal
Auto Peças

Suspeito de matar militar é morto após troca de tiros com a PM

Suspeito de ter executado o cabo da Polícia Militar, Adriano José, o taxista José Alexandre foi morto após trocar tiros com a Polícia Militar, no distrito de Manganzala, na periferia do município de Porto Calvo. A polícia ainda procura outros três suspeitos no crime.

José Alexandre, apontado como executor de um esquema que ainda envolveu outras quatro pessoas, foi delatado por uma cúmplice, identificada como Veroneide Araújo. “A Polícia Militar descobriu essa mulher, que terminou relatando ter recebido R$ 6 mil de uma família para intermediar o crime. Esse valor seria dividido entre ela e o assassino”, explicou o chefe de operações da delegacia de Japaratinga, José Roberto, plantonista no momento do crime.

A família em questão, segundo o chefe de operações, teria matado o irmão de Adriano José, que também é um policial militar. Em vingança, o cabo teria também assassinado um integrante do grupo familiar, de modo que o crime foi motivado por vingança. Nomes, entretanto, não foram revelados pela Polícia.

Veroneide Araújo foi presa e deve ser levada para o exame de corpo de delito, ainda nesta segunda-feira, 17. A Polícia Civil continua as buscas de outras três pessoas suspeitas de envolvimento no assassinato.

Fonte: Gazeta Web

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marechal Notícias